+ Populares

Aviso


09 setembro 2010

Sibutramina continua gerando polêmica

No início deste ano a Sibutramina, medicamento usado no controle da obesidade, teve sua venda proibida na Europa por aumentar o risco de enfarte e derrame. No Brasil a ANVISA classificou o remédio como psicotrópico anorexígeno e transformou-o em tarja preta, só podendo ser adquirido com a receita azul, que deve ser retida.
Essas decisões foram tomadas com base em um estudo realizado em 2009 que apontava que pacientes com doenças cardiovasculares tiveram um aumento de 16% no risco de ter enfarte e AVC. Médicos brasileiros ficaram divididos, enquanto alguns foram a favor da proibição, principalmente por seu uso indiscriminado, outros foram contra por dificultar ainda mais o tratamento da obesidade.
Um recente estudo, publicado pelo New England Journal of Medicine, conclui justamente o oposto. A sibutramina o, não aumenta o risco de enfarte e AVC em pacientes que não têm histórico de problemas no coração. O resumo do estudo pode ser lido clicando aqui (em inglês).
A conclusão do estudo diz:
Indivíduos com doenças preexistentes cardiovasculares que estavam recebendo tratamento com sibutramina a longo prazo tiveram um risco aumentado de infarto do miocárdio não-fatal e AVC não-fatal, mas não de morte cardiovascular ou morte por qualquer causa.
 E agora? Será que a ANVISA vai manter a proibição?

Nenhum comentário:

Hotwords

LinkWithin

Blog Widget by LinkWithin

Seguidores